top of page

Começa a segunda fase da vacinação no Rio



Começou a nova fase de vacinação contra a Covid-19 na quarta-feira (27/01). Esta fase vai até o dia 03 de fevereiro. Os contemplados são os profissionais de saúde com 60 anos ou mais que atuam nas redes pública e privada da cidade. Eles devem procurar uma das 236 clínicas da família e centros municipais de saúde para tomar a vacina portando documentação e comprovante de seus conselhos de classe. Nesse período, também será finalizada a vacinação dos funcionários de urgência e emergência das unidades hospitalares envolvidos no atendimento à Covid-19 e dos que realizam exames da doença.


Na segunda fase, são contemplados, além dos médicos com 60 anos ou mais, enfermeiros, nutricionistas, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, biólogos, biomédicos, farmacêuticos, odontólogos, fonoaudiólogos, psicólogos, assistentes sociais, profissionais de educação física, médicos veterinários e seus respectivos técnicos e auxiliares. Também estão na lista funcionários do sistema funerário que tenham contato com cadáveres potencialmente contaminados.


A vacinação é para profissionais na ativa. O profissional deve portar a carteira de seus conselhos dentro da validade e que, portanto, estejam aptos a desempenhar suas funções profissionais. Para os agentes funerários, é necessário o comprovante de vinculação profissional e declaração de que atuam diretamente na manipulação de corpos.


A pessoa que fizer parte dos grupos prioritários, neste primeiro momento, tomará a vacina que estiver disponível na unidade em que for se vacinar, e receberá a orientação sobre o prazo em que deverá retornar para a segunda dose. Obrigatoriamente, as duas doses têm que ser da mesma vacina, para garantir a eficácia do imunizante. Além disso, a pessoa deverá receber a segunda dose na mesma unidade em que tomou a primeira.


Importante ressaltar que, no momento, a vacinação está restrita aos profissionais de saúde e a grupos específicos. Quando o Ministério da Saúde definir a ampliação para outros grupos, a informação será amplamente divulgada. O cumprimento do cronograma, no entanto, depende sempre do envio de vacinas pelo Programa Nacional de Imunização.


Veja aqui o cronograma estimado completo:

Covid_PlanoVacinacao_Jan2021_PPT_v6
.pdf
Download PDF • 3.97MB


*com informações de


Comments


bottom of page